Almaviva cresce em meio à crise
Empresa conquista cinco novos clientes nos últimos meses e atribui sucesso ao DNA digital 09/07/2020 03:38
» André Pandolfi
Na contramão de muitas companhias que sentiram os efeitos negativos da crise sanitária, e consequentemente econômica, provocada pelo coronavírus, algumas empresas estão assistindo ao crescimento dos negócios e parcerias mesmo durante a pandemia. É o caso da Almaviva do Brasil, que conquistou cinco novos clientes nos últimos meses, nas áreas de internet/tecnologia, varejo/e-commerce, bancos digitais e entretenimento.
 
Ao explicar porque essas companhias optaram por contratar serviços como atendimento digital, ouvidoria, customer experience e engagement, o diretor executivo de novos negócios e marketing, André Pandolfi, destaca o conjunto de soluções que foram desenvolvidas em parceria com o braço tecnológico da empresa, a Almawave. "A Almaviva já vem, há bastante tempo, em um posicionamento e atuação com forte apelo digital. Nosso conjunto de soluções, lançado ainda em 2019, engloba diversas ferramentas que utilizam, por exemplo, a inteligência artificial para automatizar processos, desde rotinas sistêmicas até interface com clientes, por meio de robôs, incrementando, exponencialmente, a produtividade das operações. Consideramos como um fator fundamental a manutenção desse equilíbrio entre a disponibilidade e a praticidade oferecidas pelos canais digitais, mas sempre com proximidade e empatia, características presentes no atendimento humano", explica.
 
De acordo com o executivo, tudo isso possibilitou a inovação necessária para que, hoje, a empresa tenha a capacidade de manter as operações funcionando normalmente, e ampliá-las, mesmo com mais de 60% do time de atendimento em sistema de home office, sem perda de segurança, produtividade e qualidade. Sendo que, para os cinco novos clientes, atualmente são mais de 500 profissionais alocados, e mais de 650 mil interações por mês, com a previsão de chegar, até o fim do ano, a cerca de 1,1 milhão de interações/mês, com a contratação adicional de 400 colaboradores. "Desse total, mais de 50% dos atendimentos são realizados por canais digitais, o que é mais um sinal de que o ´novo normal´ já é uma realidade para empresas de diversos setores, em especial, àquelas líderes desse mundo digital", diz o executivo.
 
Na visão dele, esse é um caminho sem volta. "As novas tecnologias precisam conectar o mundo físico e o virtual, não só em períodos como o que vivemos agora. A busca por serviços online e, principalmente, por agilidade, já estava em ascensão e vai acelerar nesse momento. Isso demandará, cada vez mais, suporte em canais de atendimento que estejam de acordo com a velocidade e a qualidade exigidas pelos consumidores. Por isso, investimos em tecnologias disruptivas já há algum tempo e continuaremos fortemente nesse sentido", conclui Pandolfi.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin

Palavras mais procuradas

TIVIT  NICE  TELLUS  CSU  CONTAX  ALMAVIVA  TMKT  FLEX  AVAYA  TELEPERFORMANCE  CALLINK  URANET  ATENTO  VIDAX  AEC  RANKING  CALL CENTER  VAGAS  VIKSTAR  SITEL 
 
https://www.callcenter.inf.br/