E-commerce pode perder até R$ 11 bi com atendimento
Dois em cada três compradores brasileiros desistiram do pedido pela falta de um suporte adequado 14/06/2018 03:02
» Girish Mathrubootham
Os varejistas online brasileiros correm o risco de perder mais de R$ 11 bilhões ao não oferecer atendimento adequado na hora da venda. É o que revela estudo realizado pela Toluna, em nome da Freshworks, que abordou mais de 500 compradores online no Brasil e descobriu que dois em cada três abandonaram a compra por não receberam o suporte adequado.

Enquanto 68,91% dos entrevistados disseram que a compra cancelada valia entre R$ 1 e R$ 200, outros 23,45% disseram que o valor do pedido estava entre R$ 501 e mais de R$ 3001. Com o valor médio de cada compra abandonada estimado em R$ 350, pode-se calcular multiplicando este número por 66% do total de compradores online no Brasil em 2016 que o mercado potencial perdido equivale a pelo menos R$ 11 bilhões de reais. "O varejo online está crescendo no Brasil, mas o que as empresas precisam aprender rapidamente é que, se não fornecerem aos clientes um bom suporte durante o processo, ele não hesitará em abortar uma compra", disse Girish Mathrubootham, fundador e CEO da Freshworks.

O estudo também descobriu que mais da metade dos brasileiros (54%) pesquisados acreditam que atendimento e suporte ao cliente de qualidade são fatores cruciais quando fazem uma compra online. Sobre o canal de atendimento, o e-mail é o meio preferido (57,7%), pouco à frente dos chats (52,72%), telefonemas (46,89%) e mensagens diretas (37,16%) - via WhatsApp por exemplo.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin

Palavras mais procuradas

TIVIT  CALLINK  NICE  VIKSTAR  VIDAX  TELEPERFORMANCE  SITEL  ATENTO  VAGAS  FLEX  AEC  CONTAX  CALL CENTER  ALMAVIVA  TELLUS  AVAYA  URANET  TMKT  CSU  RANKING 
 
https://www.callcenter.inf.br/