Satisfação do cliente cai em junho
Relatório apontou queda de 4,8 pontos no setor de telecom 11/07/2011 09:47
O Índice Nacional de Satisfação do Consumidor de junho registrou nova queda, passando de 61,3% em maio para 60% no último mês. Em abril, quando o relatório foi lançado, a avaliação foi de 62,3%. 

No período de 1º a 30 de junho, os sub setores que apresentaram as maiores variações negativas foram os supermercados, com 79,3% (foi de 84,6% em maio e de 82% em abril) e Telecom, que atingiu 45,8% no mês passado, contra 50,6% em maio e 45,8% em abril. Com variação menor, o sub setor de Personal Care caiu de 88,8% em maio para 84,3% em junho - em abril foi de 83,6%. O índice deste sub setor continua sendo o mais alto de todos os analisados, que são também lojas de departamento, bancos, auto-indústria e bebidas.

O setor de telecom, teve queda de 4,8 pontos percentuais em junho, o sub setor de Telecom foi impactado, de acordo com Ricardo Pomeranz, pelos problemas que os consumidores enfrentaram com as falhas nos sinais das operadoras. "Esta é uma questão que vem se agravando na medida em que as empresas de telefonia celular não têm realizado investimentos proporcionais ao crescimento de sua base de clientes", diz. Integrante do setor de informação, que fechou junho com índice de 45,8% - contra 50,6% em maio e 45.6% em abril - inclui OI, TIM, Vivo e Claro.

O Índice Nacional de Satisfação do Consumidor foi lançado neste ano por Ricardo Pomeranz, professor pesquisador, e Global Chief Digital Officer da Rapp, e é medido pelo ESPM.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
 
https://www.callcenter.inf.br/