Tem cliente insatisfeito!
Pesquisa faz alerta sobre grau de satisfação dos brasileiros, principalmente no setor de telefonia fixa 04/07/2013 12:15
» João Vicente
Seu cliente está satisfeito? Toda empresa deveria responder sim à essa questão,pois é a partir dessa informação que as estratégias devem ser construídas. Afinal, com as transformações do mercado de consumo, o foco agora tem que ser no cliente. "Muita coisa mudou, seja por conta do surgimento de novos canais ou mesmo a própria evolução do consumidor, mais exigente e informado. Por isso, hoje é importantíssimo ter a percepção dos clientes em relação à empresa e seus produtos e serviços. Essa informação facilita a tomada de decisão", afirmou João Vicente, CEO da Qmetrics, durante o CIC Brasil.

Porém, os resultados do Índice Brasileiro de Satisfação do Cliente, BCSI, revelaram que a o cenário não é dos melhores. Na comparação à outros países, o Brasil ficou bem atrás, nos três setores pesquisados. No segmento bancos, enquanto Indonésia tem 79 pontos, África do Sul tem 78 e EUA têm 77, o Brasil tem apenas 68 pontos. Na telefonia móvel, Portugal tem 75 pontos, Reino Unido e Turquia têm 74 pontos e o Brasil tem 65. Os piores resultados foram com telefonia fixa - EUA detêm 74 pontos, Coreia do Sul tem 73 e o Brasil, apenas 59 pontos. "O resultado revela que o país precisa melhorar seus serviços em pelo menos 10 pontos. As empresas brasileiras precisam ter mais atenção com a satisfação dos clientes", alertou Vicente.

Entre os outros dados levantados pela pesquisa, o CEO destaca o alto grau de lealdade dos clientes. "Interessante que, embora os clientes tenham revelado que consideram alto o valor dos serviços cobrados no Brasil, são bem leais e não pensam em trocar de empresa", comenta. A explicação disso, segundo Vicente, pode estar no fato de ser difícil mudar de empresa. Para fugir da burocracia, preferem ficar na mesma. O índice mostrou também que a satisfação dos clientes com o callcenter e website é semelhante - mais uma vez o segmento de bancos de varejo teve as melhores avaliações.

BCSI
A pesquisa foi realizada pelo Centro de Estudos de Avaliação e Mensuração em Comunicação, CEACOM, da USP, em conjunto com a Universidade de Michigan (EUA), a Universidade de Lisboa (Portugal) e a empresa Qmetrics Brasil. Os quesitos da avaliação das companhias foram: satisfação, qualidade do produto e serviço, valor percebido, lealdade, expectativa e reclamações. Os dados do levantamento foram obtidos a partir de um questionário de trinta questões de múltipla escolha. A amostra teve três mil entrevistas com pessoas escolhidas.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin

Palavras mais procuradas

ALGAR  RANKING  CALLINK  ALMAVIVA  AVAYA  DNK  SITEL  AEC  CONTAX  TIVIT  TELEPERFORMANCE  CALL CENTER  CSU  VIDAX  URANET  NICE  VIKSTAR  FLEX  VAGAS  ATENTO 
 
https://www.callcenter.inf.br/