Qualidade da Suécia, preço da Índia e imposto do Brasil
Diretor da Claro pede mudanças na carga tributária para compensar investimentos no SAC 01/12/2008 12:20
Na última sexta-feira (28/11), ao participar do Fórum Telequest, Antônio Britto, diretor de Relações Institucionais da Claro, disse que a falta de qualidade no atendimento das empresas de telecomunicações no Brasil não está no fato de que milhões de pessoas ingressam na base de assinantes todo ano. O problema, segundo o executivo, justifica-se por exigirem do setor "qualidade de Suécia e preço de Índia, com imposto de Brasil", o que acaba sufocando a rentabilidade das empresas e os investimentos.
 
Britto ressaltou que é importante zelar pela qualidade de atendimento e que as novas regras para SAC no Brasil são bastante avançadas. Porém, para compensar os investimentos na implementação das novas regras e na construção da infra-estrutura do setor, sugeriu o executivo, há que mudar certos aspectos do setor, como carga tributária, por exemplo.

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
 
http://callcenter.inf.br/